E o destino se encarregou de cruzar os caminhos deles:
“- Éramos dois desconhecidos e ela entra como um presente em minha casa, um pouco desnorteada, como convidada de uma festa, conhecendo pouquíssimas pessoas e dizendo que aquele labrador que fora sentir seu cheiro era idêntico a uma labradora que tivera em um passado próximo.
Foi o bastante para que os olhos sorrissem, os sorrisos se olhassem e os corações sentissem a presença de uma força, de uma energia ainda não identificada. Mas forte o suficiente pra mais tarde nos levar a certeza de que o futuro nos reservara algo crescente, valioso e permanente.”
por Felipe Gaya - O NOIVO.
E a tradução dessa história em imagens resulta nesse vídeo repleto de beleza, carinho e sinceridade.